terça-feira, 22 de dezembro de 2009

um brinde.

Sumi por uns dias, sumi da sua vida , sumi da minha , sumi do blog , eu realmente estava ansiosa demais para escrever , certamente escreveria lorotas que me fariam passar por uma adolescente compulsiva e mimada , que sou .

Certamente você nem deve se lembrar de mim deve esta procurando outra pessoa ou coisa pra preencher esse coração pedindo pra ser amado, digo a vocês que estou me achando uma trouxa que perdi a única coisa que nesse momento na minha vida podia ter a remota possibilidade de tirar toda essa escuridão que habita em mim.

Fato que minha TPM ajudou bastante nesse meu sumido não-remunerado e que eu como infantil que sou vou usar essa desculpa para tentar camuflar meus erros e infantilidades, acredito que nem se lembre de como eu havia comentado sobre a minha outra personalidade pré menstrual, acredito que nem se lembre como eu chorava e você me fazia sorrir novamente, confesso que nos meus curtos dias sem você senti sua falta, odeio admitir isso e digo mais : concordo plenamente se você nunca mais quiser olhar para mim, afinal eu que quis isto, poderia falar mil coisas a você, mas não, prefiro que você me fale... Eu acreditava que tinha perdido a mania de me testar, de testar se realmente quero, e com isso após perceber que desejo perder , mas nao perdi

Um brinde ao pior final de ano de todos os tempos, creio que nem se tivesse uma nevasca eu estaria feliz , nem se papai Noel ou do céu realizasse todos os meus desejos sujos e incrédulos eu teria algum motivo a mais para sorrir, ou para rir , ou pra viver , levantar da cama , começar meu dia.

Um brinde ao meu egoísmo e infantilidade, que eu possa continuar perdendo todos que me querem bem ano que vem e idolatrar os cafajestes que não amo. Assim um dia quem sabe eu possa crescer e fazer jus a todas aquelas pessoas que dizem que eu tenho uma mente perspicaz e que nada que eu diga convencerá sobre minha idade, um grande brinde a infeliz que sou, e que vou ser.

A verdade é que chutar o amor é diferente de chutar alguém. Eu gostaria de ter alguém para chutar por medo do amar, mas que eu ame mesmo assim.



" Venha, o amor tem sempre a porta aberta, e vem chegando a primavera
nosso futuro recomeça, venha, que o que vem é perfeição "

4 comentários:

  1. Tão tenso e intenso seu texto. Sabe que, independente do que escrevas, eu saempre aprecio com muito carinho e atenção.

    Pq ñ ir à luta? Senão for à luta pela pessoa deves ir por vc mesmo, pela sua felicidade, pelo seu amor próprio - que este eu sei que vc tem, por mais que, talvez, por alguns momentos ande escondido dentro de ti!!!!

    Acho que vc tem muita Luz para não brilhar. Sucesso...

    "Venha!
    Que o que vem é Perfeição!"

    ResponderExcluir
  2. Que bom que você usou de palavras sinceras para com seus sentimentos .
    Gosto disso,
    não somos perfeitos e até nossos defeitos nos fazem pessoas belas.


    uia, ta se apaixonando por mim é? *-*
    adorei! rs

    bjs linda.

    ResponderExcluir
  3. arrisco que nunca é tarde, nunca é tarde para se redimir, e amar, e ser amada, não adianta ficar tristinha, va atras, algo me diz que o destino ainda tem muitas surpresas para os dois!
    beijo.

    ResponderExcluir
  4. As vezes é preciso sumir, o que acontece quando sumimos certamente nos proporciona um pouco mais de evolução, independente se o que aconteceu foi bom ou ruim. Afinal, até quando erramos, aprendemos algo. E eu espero que você possa aprender com esse tempo que ficou "fora".

    Beijos.

    ResponderExcluir